Estabilidade pessoal e profissional: o que você tem feito para conquistar?

Estabilidade pessoal e profissional: o que você tem feito para conquistar?

De acordo com o dicionário, “estabilidade” significa solidez e segurança. Quando certa área da nossa vida alcança esses dois atributos, podemos dizer que houve qualidade daquilo que é estável, como quando há estabilidade pessoal e profissional. 

Mas muita gente não consegue atingir esse padrão, porque existem obstáculos que, se não forem desafiados, podem te afastar dos seus objetivos. E muitas pessoas acabam cedendo a essas barreiras. 

Só que existe uma forma muito poderosa de se permitir quebrar limites e alcançar a estabilidade na vida. Por isso, preparamos um texto para desvendar os inimigos da estabilidade e o segredo para conquistá-la, em diversos âmbitos da vida. 

Desejamos que tenha uma excelente leitura!

Estabilidade e o controle emocional

Ser uma pessoa estável significa saber controlar as próprias emoções, conseguindo adaptar-se aos sentimentos, de acordo com cada situação vivida. Desta forma, um indivíduo estável consegue expressar as suas emoções de forma saudável e equilibrada. 

Não quer dizer que esse indivíduo estará sempre sereno, pacífico e passivo às situações. Mas sim, pronto para responder aos desafios de maneira que não o afaste dos seus objetivos e que não o sabote, o que acontece com a grande maioria das pessoas.

Muitas pessoas até conseguem alcançar alguma estabilidade em certos momentos da vida, mas não conseguem mantê-la. E por quê? Porque essas pessoas não têm uma maturidade emocional que as permitam manter esse equilíbrio.

Já outro grande número de pessoas nem consegue alcançar um nível pleno de estabilidade. São pessoas que não são capazes de controlar as próprias emoções e se veem reféns de sentimentos e pensamentos negativos, que impedem o seu crescimento tanto pessoal, quanto profissional. 

Um fator que impossibilita a estabilidade pessoal e profissional é a zona de conforto. Muitas pessoas acreditam que a zona de conforto é o lugar onde se cai simplesmente na preguiça. 

Mas, na verdade, a zona de conforto é mais grave do que isso. É quando tudo parece extremamente cômodo, com ausência de desafios que impulsionem a busca de grandes resultados na vida. 

Uma pessoa que vive na zona de conforto é um claro exemplo de falta de controle emocional. Essa ausência dificulta a estabilidade nos vários âmbitos da vida, porque essa pessoa está sempre vivendo picos e vales. 

O controle emocional está totalmente ligado à estabilidade em qualquer área da vida. Mas, para isso, é preciso desenvolver essa habilidade que poucos têm. 

O segredo para se ter controle emocional

Ter controle emocional é a maneira ideal de conseguir prosperar nas mais diversas áreas da vida. 

Passar em um concurso, ser promovido, juntar dinheiro para comprar um apartamento, viajar para o lugar dos sonhos… não importa o que você deseja. Você pode conseguir o que mais quer, se tiver preparo emocional para encarar os desafios que te afastam do seu sonho

Ter controle emocional garante foco, estabilidade e perseverança, que torna qualquer indivíduo em bem-sucedido. O controle emocional é uma característica base das pessoas prósperas que conhecemos.

E o que acontece com pessoas que não têm controle emocional? Bem, essas pessoas se encontram cada vez mais afastadas dos seus objetivos, porque não possuem preparo para lidar com os próprios sentimentos. Uma consequência muito séria que acontece com quem não sabe administrar as próprias emoções é o surgimento de uma doença psicossomática.  

As doenças psicossomáticas são aquelas em que há a somatização de problemas na esfera mental, indo para a esfera física. Esses tipos de doenças estão, primeiramente, relacionados às nossas emoções. Quando sentimos alguma emoção negativa e a internalizamos, o nosso corpo e a nossa mente entram em desequilíbrio.

Alguns exemplos de manifestações físicas no estágio inicial das doenças psicossomáticas  são dores de estômago, sensações de nó na garganta e falta de ar. 

Você viu que a falta de controle emocional pode prejudicar até mesmo a sua saúde física. Então como obter, de fato, controle emocional para conseguir o que se deseja? Algumas formas são eficazes no desenvolvimento dessa habilidade, como: 

Use as emoções a seu favor

Qualquer ser humano sente emoções. As emoções geram pensamentos, sentimentos e comportamentos, que, dependendo do caso, podem levar a resultados significativos ou não na vida. 

Todo ser humano, em qualquer fase, irá passar por 4 emoções muito básicas e inatas da nossa essência, que são: a alegria, a tristeza, a raiva e o medo.

Dessa lista, você provavelmente dirá que o único sentimento bom é a alegria. Mas, na verdade, todas essas reações podem ser ressignificadas e transformadas em positivas. 

Saber lidar com a tristeza, com a raiva e com o medo da mesma forma que se lida com a alegria, é sinal de um controle emocional. 

Todos nós somos capazes de controlar as nossas emoções, assim como a forma como reagimos às situações da vida. 

Acalme a sua mente

Para saber lidar com as próprias emoções diante de situações difíceis, a melhor forma de equilibrar os seus sentimentos é por meio da inteligência emocional. Trata-se do controle dos nossos pensamentos, sentimentos e comportamentos.

Um dos métodos mais eficazes, que ajudam a acalmar e a ressignificar o turbilhão de sentimentos dentro da gente é a meditação.

A meditação é um exercício que ajuda as pessoas a entenderem a importância de viver no momento presente. Com essa prática, conseguimos acalmar a nossa mente e as emoções que geram comportamentos ruins. 

Aproveite a boa energia das pessoas ao seu redor

Sim! Uma forma eficaz de aprender a controlar as próprias emoções é se envolver em relações duradouras, com amigos, familiares ou parceiros. Desta forma, desenvolvemos a empatia e aprendemos a olhar para as necessidades do outro com mais cuidado.

E uma maneira de demonstrar carinho e amor pelos entes queridos é por meio do abraço. Esse hábito estreita relacionamentos, transmite sentimentos positivos e faz bem para a nossa saúde física e mental. 

Considerações finais

Por meio de práticas saudáveis e voltadas ao autoconhecimento, bem como da relação com as pessoas próximas, consegue-se obter o controle das próprias emoções. 

Um indivíduo que identifica os próprios pensamentos e sentimentos, e que consegue adequá-los de acordo com a situação vivida, é capaz de se estabelecer diante dos desafios. 

Desta forma, consegue-se atingir a estabilidade pessoal e profissional mediante controle emocional.

Se você ainda tiver dúvidas sobre como atingir o controle emocional, entre em contato conosco agora mesmo. 

Nós, da EBPNL, somos uma escola de profissionais multidisciplinares, prontos para te ajudar a conquistar a vida que sempre sonhou e de forma definitiva.

Autor: Michael Ribeiro
Publicado há 3 meses

mail_outline
A gente notifica você sempre que tivermos novidades. Deixe seu nome e e-mail.

As pessoas também estão lendo...