Estresse X Estafa: como escapar desse quadro tão comum nos dias de hoje

Estresse X Estafa: como escapar desse quadro tão comum nos dias de hoje

Em um mundo cada vez mais rápido, onde existem as mais diversas atribulações no dia a dia, as pessoas costumam se sentir mais cansadas, tanto fisicamente, quanto mentalmente. 

Esse cansaço é a base de sentimentos como o estresse e a estafa. Você sabe o que é cada um deles? 

Uma pessoa que não consegue lidar com as atribulações do dia a dia, está mais propensa a sofrer de, pelo menos, um desses males.

Mas qual é a diferença entre eles? Qual é o melhor “remédio” para o estresse? Como eles atrapalham o caminho que você percorre em busca dos seus objetivos?

Pensando nisso, preparamos esse texto para falar sobre o conceito de estresse e de estafa, suas causas e consequências, e a melhor forma de tratar esses sentimentos tão nocivos à sua prosperidade. 

Desejamos uma excelente leitura!

O que é estresse

Muita gente confunde os dois termos. Mas, na realidade, o estresse e a estafa são dois problemas diferentes. 

O estresse é considerado como um grau intenso e constante da fadiga. Mas o corpo humano é programado para lidar com situações tidas como estressantes há milhares de anos.

Os sintomas de estresse ocorrem a partir da liberação de hormônios como adrenalina, quando há excesso de motivação; e cortisol, para enfrentar situações de perigo. Nossos antepassados liberavam esses hormônios em situações de sobrevivência. 

Hoje em dia, outras situações configuram estresse, como problemas no trabalho e longas filas de espera. Embora a gente não libere a mesma quantidade de adrenalina e cortisol que os nossos antepassados, por não serem situações de perigo, as reações são as mesmas.

A liberação excessiva desses hormônios, de forma intensa e constante, acarreta em diversas consequências no organismo humano. O estresse enfraquece o corpo e a mente, fazendo com que a pessoa sofra um estado de fadiga excessiva. 

O que é estafa

Essa fadiga excessiva também pode ser chamada de estafa. Portanto, a estafa é um sintoma do estresse. Este problema compromete o desempenho da pessoa em atividades que, antes, ela considerava como importantes em sua vida. 

A estafa é o ponto de pico em que a pessoa paralisa ao passar por alguma situação extrema. Geralmente, precisa de ajuda médica e/ou internação, e sofre de algum mal de saúde.

A estafa altera o funcionamento do organismo pois, entre suas consequências, ocorre o acúmulo de tensões e de cansaço. Este problema está muito ligado à rotina de uma pessoa, pois a fadiga pode ocorrer devido ao excesso de responsabilidades ou de esforço. 

Existem dois tipos de estafa: a central e a periférica.

Estafa central

A estafa central, também conhecida como estafa mental, compromete o sistema nervoso central e ocorre devido ao excesso e o acúmulo de tarefas que uma pessoa precisa exercer.

Esse cansaço mental provoca desgaste também no corpo. Este desgaste é chamado de estafa periférica. Uma está associada a outra porque o indivíduo que sofre de estafa mental acaba sentindo pressões e dores físicas. 

Estafa periférica

A estafa periférica também se dá quando uma pessoa exerce todos os dias funções que comprometem a sua estabilidade física, como ficar em pé por muito tempo ou forçar demais a vista. Isso gera dores musculares e cansaço físico.

Relação entre o estresse e a estafa com a ansiedade

Tanto o estresse, quanto a estafa, são limitadores que te impedem de avançar em todas as áreas na sua vida. Um indivíduo cansado e/ou estressado não tem energia, nem motivação para fazer o que precisa ser feito. 

O estresse e a estafa podem andar junto da ansiedade em muitos momentos. Uma pessoa estressada ou cansada não consegue olhar para o futuro de forma positiva. Afinal, se ela não tem disposição para fazer o que precisa ser feito agora, ela vai acumular problemas que vão estourar lá na frente.

Dessa forma, o estresse e a estafa desencadeiam a ansiedade, isto é, quando uma pessoa não consegue enxergar o seu futuro de forma positiva. A pessoa ansiosa acredita que tudo de ruim irá lhe acontecer. E isso a deixa parada no mesmo lugar. 

Quando o estresse vira estafa

O estresse e a estafa possuem causas e consequências similares. Afinal, a estafa ocorre em decorrência do estresse.

Quando uma pessoa passa por muitos momentos de estresse, algum evento específico dessa natureza pode desencadear um momento de paralisação. É quando o estresse se torna estafa.

Reconhecê-los a tempo ajuda em um diagnóstico preciso e no tratamento adequado desses problemas. 

Os sintomas de estresse e de estafa se configuram em reações físicas ou mentais. Esses sinais prejudicam o desenvolvimento da sua rotina e da sua visão de futuro. 

Alguns sintomas específicos de estresse são:

Já os sintomas mais comuns que indicam estafa, são:

O principal remédio para o estresse

Como você viu nesse texto, o estresse e a estafa ocorrem quando não sabemos lidar com as atribulações do dia a dia. Esse desânimo constante faz com que a gente pense em nosso futuro de forma negativa e gerando ansiedade.

Cansaço, dores musculares, aumento da pressão arterial, batimentos cardíacos acelerados… todos esses sintomas geram consequências que, se não forem tratadas a tempo, podem levar a danos irreversíveis no nosso corpo e mente.

E uma pessoa que vive estressada pode chegar mais facilmente ao pico de estafa. É quando o cansaço é tão grande que essa pessoa “pifa”, não conseguindo exercer nenhuma atividade. E a estafa é o ponto que pode a levar para o hospital. 

Mas, quando uma pessoa entra em um processo de autoconhecimento, e entende o que origina as situações de estresse, fica mais fácil de ela administrar as suas emoções. 

Por isso, o melhor remédio para estresse e de estafa é adquirir inteligência emocional, uma mudança de mentalidade que ajuda a lidar com as próprios sentimentos. 

Uma pessoa que sabe administrar as suas emoções é bem menos afetadas pelos sintomas de estresse e de estafa. 

Só que adquirir inteligência emocional exige esforço e treinamento constante. Afinal, é uma metodologia muito profunda. A pessoa precisa se autoavaliar, todos os dias, para conhecer a si mesma, e a controlar como ela reage a diferentes situações, inclusive nas consideradas estressantes.

Quando se há o controle dos próprios sentimentos e pensamentos, fica mais fácil contornar as adversidades causadas pelo estresse. 

Outra técnica aliada à inteligência emocional, que também é considerada um remédio para o estresse e a estafa é o relaxamento. Essa mudança de postura permite que se tenha um outro olhar sobre as adversidades da rotina, sabendo lidar com eles de forma eficaz e sem comprometer a sua saúde.

E uma técnica muito poderosa, que promove o relaxamento, é a atenção plena. Este método ajuda a pessoa a se manter no presente, aliviando sentimentos de sofrimento e de cansaço.

Algumas formas de desenvolver atenção plena: por meio de meditação e mindfulness.

Meditação

A meditação é uma prática que alia o equilíbrio do nosso corpo e dos nossos pensamentos. Esse exercício trabalha uma postura alinhada com o controle de nossa respiração. Por meio deste método, as pessoas passam a entender a importância de viver no agora.

Mindfulness

Já o mindfulness é um método relativamente novo, que traz técnicas aprofundadas de meditação e autoconhecimento. A premissa desse conceito é sair do estado de falta de consciência, para então se permitir levar uma vida baseada no momento presente e no conhecimento das suas emoções.

Considerações finais

Embora sejam conceitos diferentes, o estresse e a estafa são duas consequências que o nosso corpo e a nossa mente enfrentam em momentos de cansaço na rotina. 

Enquanto o estresse é um cansaço intenso e constante, a estafa é uma consequência do estresse, considerada o momento de “pico” do nosso corpo. Em muitos casos, pode ser uma ocorrência grave ou até uma experiência de quase morte. 

Se os seus sintomas não forem reconhecidos, e se não houver o diagnóstico do estresse, o indivíduo estará propenso a sofrer problemas irreversíveis, como doenças cardíacas e cerebrais. 

Por outro lado, quando se há a consciência de que se vive o estresse, enfrentá-lo fica mais fácil. E a forma mais eficaz de combater o estresse e a estafa é fortalecendo a inteligência emocional, aprendendo a controlar suas emoções e entendendo o que causa esse quadro. 

Adquirir inteligência emocional é um processo complexo, que envolve um profundo autoconhecimento. Mas, com a devida orientação, todo ser humano é capaz de desenvolver essa habilidade.

Uma vida sem estresse é repleta de benefícios. Uma pessoa que escapa do estresse lida melhor com situações desafiadoras, podendo conquistar tudo o que desejar. Afinal, quem comanda a sua vida é você mesmo. Não deixe as influências externas te abalarem. 

Viver uma vida sem estafa e sem estresse é o melhor indicativo para conseguir viver de forma saudável, correr atrás dos seus objetivos, e para conquistar o que você sempre quis.

Se você tiver dúvidas sobre como identificar e combater esses males, entre em contato conosco agora mesmo. 

Nós, da EBPNL, somos uma escola de profissionais multidisciplinares, prontos para te ajudar a conquistar a vida que sempre sonhou e de forma definitiva.

Autor: Michael Ribeiro
Publicado há 7 meses

mail_outline
A gente notifica você sempre que tivermos novidades. Deixe seu nome e e-mail.